Virada Cultural 2006

apresentam
a PROGRAMAÇÃO DO CASARÃO DO BELVEDERE
com o apoio de

VIRADA CULTURAL
20 / 21 DE MAIO DE 2006

18HS – Música

Obras de Ivan Chiarelli Monteiro – em 1ª Audição

“SOM, OS” – Francisco Daud (piano)
“SOM, OS 2”- Francisco Daud (piano) e Rodrigo Carneiro (flauta)
“BRINCADEIRA” – Francisco Daud (piano) e Rodrigo Carneiro (flauta)
e
“BRUIÈRES” (Prelúdio) – Claude Debussy – Francisco Daud (piano)
“PARTITA EM LA MENOR” (dois movimentos) J. S Bach – Rodrigo Carneiro (flauta).

Piano: Francisco Daud
Flauta: Rodrigo Carneiro
Duração: 30 minutos

O duo, formado por alunos de instrumento do Instituto de Artes da UNESP, apresenta obras do também aluno Ivan Chiarelli Monteiro. No programa, duas peças da série “som, os”, pequenas peças que têm como propósito facilitar a compreensão da música contemporânea; e também “Brincadeira”, uma pequena diversão inspirada em gêneros de música popular.

“BRINCADEIRA” é um jogo sonoro de um tema em quatro estilos musicais (rock progressivo, jazz, samba/salsa e valsa), executado pelo piano e pela flauta. São representações estilizadas desses estilos musicais, apresentados de maneira a parecer uma brincadeira de crianças.

“SOM,OS” é a primeira de uma série de peças curtas (cerca de dois minutos cada) que têm o intuito de familiarizar o ouvinte com a música contemporânea e facilitar sua compreensão do desenvolvimento musical. Neste caso, a peça tem uma estrutura palindrômica (termina de maneira inversa ao seu começo) e, a exemplo do título, tem uma seção central que é diferente do que foi exposto no começo e daquilo que será exposto no final. Assim, quanto a primeira parte é reexposta, o ouvinte tem uma sensação de reconhecimento que é realçada pela seção central, que apresenta o tema numa forma mais “familiar” ao ouvinte.

Sobre o compositor:

Ivan Chiarelli Monteiro é aluno do 5º ano do curso de Composição e Regência da UNESP. Se interessa pela mescla de sonoridades, especialmente entre a música ocidental dos séculos XIX e XX e a música tradicional japonesa. Busca maneiras de reaproximar a música contemporânea dos ouvintes e está desenvolvendo projetos de reavaliação dos sons da cidade.


19HS – “Herói” (Teatro)

Impressões acerca do mito do herói no homem contemporâneo.

FICHA TÉCNICA
Pelo Grupo de Estudos Teatral
Elenco: Dalmir Rogério Pereira, Nathália Bonilha, Otávio Oliveira, Rodrigo Stradiotto
Texto: vários autores
Direção: Grupo de Estudos Teatrais
Gênero: Coletânea
Técnica de iluminação : Angélica Souza
Recomendação 12 anos
Duração: 1 hora

21:30HS – PRETEXTO (Teatro)

Confinados, eles esperam visita. Enquanto isso fazem planos, brigam e, sobretudo, discutem. Num ambiente familiar mas também hostil, surgem as questões entre a individualidade e o viver em sociedade, e toda sorte de conflitos que vão de um ao outro.

FICHA TÉCNICA
Texto e direção: Rui Ricardo
Assistente de direção: Valter Klenk
Preparação corporal: Edson Calheiros
Cenários/figurinos: Cristina Sverzuti
Iluminação: Marcus Filomenus
Fotos: Rodrigo Pinkovai e Valter Klenk
Elenco: Rui Ricardo, Nana Pequini, Geisa Acioli, Naza Thomas, Valter Klenk, Paulo Américo e Edson Calheiros
Duração: 1 hora

23:30HS – RECLUSO C.3.3 (Dança)

Recluso C.3.3 fala de uma corporeidade amordaçada, enclausurada, distinta do mundo corrente. Aprisionado a idéias, crenças e espaços, o corpo sente-se impotente, menos vivo, menos capaz. Não obstante, prisão e prisioneiro se confundem, se convergem e divergem, pulsando os pactos e impactos em busca de alguma liberdade. Isto é uma prisão ou porto seguro?

FICHA TÉCNICA
Concepção/Interpretação: Edson Calheiros
Direção Teatral / Iluminação: Rui Ricardo
Trilha Sonora: Edson Calheiros
Fotos: Walter Klenk e Marcos Vicente
Operação de Luz: Naza Thomas
Duração: 20 minutos

24HS –  “CENA NA BILHETERIA”

NOTA – Esta intervenção acontecerá também as 3hs15 e às 16hs45 do dia 21

Intervenção criada a partir do texto “O Mendigo ou o Cão Morto” de Bertold Brecht, que tem por objetivo brincar com a relação do público pseudo-intelectual-frequentador-de-teatro com a comercialização da cultura e da falsa erudição. Pensada para ser levada para espaços alternativos.

FICHA TÉCNICA
Texto: Dalmir Rogério Pereira e Otávio Oliveira
Elenco: Dalmir Rogério Pereira e Otávio Oliveira
Duração: 15 minutos

Duração: 15 minutos

01:30HS – A RAPOSA, O MONGE E O MIKADO DOS SONHOS (Teatro)


APRESENTAÇÃO CANCELADA PELA DIREÇÃO DO GRUPO NA NOITE DE QUARTA-FEIRA

PEDIMOS DESCULPAS AOS NOSSOS ESPECTADORES

HERÓI – Apresentação excepcional em substituição do espetáculo cancelado
 

03:30HS – AS PEGADAS DO REI (Teatro)

 
APRESENTAÇÃO CANCELADA PELA DIREÇÃO DO GRUPO NA NOITE DE QUARTA-FEIRA

PEDIMOS DESCULPAS AOS NOSSOS ESPECTADORES

“O PORTA MALAS” DE SERGIO ROVERI – INTERPRETAÇÃO DE JULIO CARRARA

EM SUBSTITUIÇÃO DO ESPETÁCULO CANCELADO

Os colegas da Virada, o Casarão do Belvedere agradecem o gesto de Julio. Nosso muito obrigado.

9HS – MULAMBOLAMBO (Teatro Infantil para pequenos e grandes)

Mulambolambo conta a história de duas pessoas simples (dois faxineiros, arquétipos do dia a dia ) que se envolvem com um certo material ( sucata ) e percebem as possibilidades, as várias utilidades daquele “ lixo “. Passam a vivenciar uma história criada por eles mesmos cujo protagonista é confeccionado naquele instante, na frente do público, com tubos de “PVC“ uma máscara velha de inalação, funil, espuma de colchão, garrafas plásticas (PET )  e demais apetrechos.

A poética do espetáculo revela-se acima de tudo, na maneira rude deste personagem, mas também na sua humanidade. A sucata e o personagem confundem-se na transformação, a dicotomia do que é realmente “lixo“ e o que é nobre na vida e nos sentimentos de toda uma sociedade.

FICHA TÉCNICA
GÊNERO TEATRAL: Teatro de Animação e Clown
DURAÇÂO DA PEÇA: 40 minutos
TEXTO E DIREÇÃO: Rosana Ramos e Marco Antonio Guerrero

10HS – HISTÓRIAS QUE O CASARÃO CONTA !!! (Teatro Infantil)

Um grupo de personagens, lúdicos, que passam o dia contando e cantando histórias no Casarão.

FICHA TÉCNICA
Grupo: Cia. Viola de Teatro
Elenco: Angrei Fiel, Fernanda Fernandes, Fernanda Vieira, Laura Imenes, Marcus Filomenus.
Trilha Sonora: Laura Imenes
Figurinos e Adereços: Zé Mario
Direção: Zé Mario
Duração: 30 minutos

10HS30 – TÀ NA HORA HISTÓRIA (Teatro para crianças de 2 a 100 anos)

É a mistura bem dosada de teatro de objetos e narração de histórias.

Uma simpática jovem, ao colocar seu “chapéu de histórias” passa a narrar histórias utilizando-se de objetos do nosso dia-a-dia, como linha, carretéis, caixas de costura, escovas, pincéis, etc., levando o público a viajar no mundo do faz de conta.

Grupo : CIA PALAVRA ENCANTADA
Elenco : Rosana Ramos
Duração: de 30 a 40 min.
PÚBLICO ALVO: CRIANÇAS DE 02 A 100 ANOS

12HS Leitura Dramática:

Atores em busca do texto perfeito

Texto: Thiago Duran Nogueira
Direção: Julio Carrara
Elenco: Will Prado, Thiago Duran Nogueira, Vanessa Alvim, Julio Carrara, Lu Ferreira e Samya Enes.

Duração:60 minutos (leitura e debate)

Sinopse:
Daniel, Nelson, Túlio, Tatiana e Luna formam um grupo de teatro que se inscreveram num festival, mas ainda não sabem que texto montar. Algumas opções surgem, mas eles consideram todas ruins. As coisas ainda pioram quando Maria, uma atriz que Daniel conheceu anteriormente, entra para o grupo.

14HS – “Recital de Piano” (Música)

ao piano – Francisco Rocha Daud

Paulista, nascido em 19 de maio de 1983. Começou a estudar múscia aos 9 anos com a professora Luciane Cardasse. A partir de 1998 é aluno de Heloísa Zani até sua entrada no Instituto de Artes da UNESP. Cursa atualmente o último ano do IA sendo aluno de Anna Claudia Agazzi.

Repertório Brahms, Beethoven e Bach.

Beethoven – segundo movimento da sonata opus 10 n.3 em Ré Maior

Bach – Preludio e fuga do Cravo Bem Temperado vol.1 n.2 em Dó maior

Bach – Preludio e fuga do Cravo Bem Temperado vol.1 n.5 em Ré menor

Beethoven – segundo movimento da Sonata op.13 – “Sonata Patética” , em Dó maior

Brahms – Intermezzo 4 do op. 76 em Si b maior

Monteiro, Ivan – a Primeira peça da série “Som, Os”

Piano: Francisco Daud

Duração: 30 minutos.

15HS – “Jogo de Cenas” (Teatro)

Contemplado pelo Governo do Estado de São Paulo – Secretaria de Estado da Cultura “Prêmio Carlos Miranda/2005”, Jogo de Cenas é um espetáculo inspirado na Commedia dell’Arte, com uma releitura brasileira, capaz de promover a cadência de cenas improvisadas, através de um roteiro com regras pré-estabelecidas, que compõem uma estória fragmentada, com muito humor e diversão; além de interagir diretamente com o público, que deixa de ser um mero espectador e passa a fazer parte integrante do espetáculo, uma vez que os temas a serem jogados são apontados por ele. Neste jogo tudo pode acontecer…

Ficha técnica:
Estilo: Commedia Dell’Arte/Teatro de Máscaras – Comédia
Roteiro e Concepção: Flávia Bertinelli
Direção: Flávia Bertinelli
Assistente de Direção: Roberto Asor
Argumentação e Produção – Cria de Gonzaga
Iluminação: Marcos Carreira

Elenco:
Daniela Oliveira
Edu Gonzaga
Éryka Rodriguez
Guilherme Vale
Rafael Vasconcellos
Roberto Asor
Thiago Carreira

15HS Leitura Dramática:

Atores em busca do texto perfeito

Texto: Thiago Duran Nogueira
Direção: Julio Carrara
Elenco: Will Prado, Thiago Duran Nogueira, Vanessa Alvim, Julio Carrara, Lu Ferreira e Samya Enes.

Duração:60 minutos (leitura e debate)

Sinopse:
Daniel, Nelson, Túlio, Tatiana e Luna formam um grupo de teatro que se inscreveram num festival, mas ainda não sabem que texto montar. Algumas opções surgem, mas eles consideram todas ruins. As coisas ainda pioram quando Maria, uma atriz que Daniel conheceu anteriormente, entra para o grupo.

17:00HS – “Passagem das Horas” (Teatro)

“Passagem das Horas”, entre vida e morte mergulha numa viagem interior do eu-poético, bifurcando-se em busca do auto-conhecimento. O poeta leva sua empreitada às últimas conseqüências até redescobrir a vida, a morte, o recomeço…

O espetáculo foi construído sobre o texto poético de Álvaro de Campos, heterônimo de Fernando Pessoa.

FICHA TÉCNICA
Texto adaptado do poema homônimo de Álvaro de Campos, heterônimo de Fernando Pessoa
Concepção e direção: Antonio Ginco
Criação e interpretação: Juliana Calligaris e Luciana Mizutani
Figurinos: Raphael Júdice
Cenário: Antonio Ginco
Iluminação: Décio Filho
Sonoplastia: Ignacio de Campos
Fotografia: Marcelo Serra
Programação visual: Juliana Calligaris
Material gráfico: João Sebastião de O. Bueno e Luciana Mizutani
Operação de som e luz: Angélica Souza

Duração: 55 minutos

ooOoo

A LOTAÇÃO MÁXIMA DO CASARÃO É DE 50 ESPECTADORES, EM ALGUNS ESPETÁCULOS O NÚMERO DE LUGARES É MENOR. FAVOR SE INFORMAR E DE PREFERÊNCIA RESERVAR COM ANTECEDÊNCIA PELO TELEFONE 3266-5272

TODOS OS EVENTOS A PREÇO ÚNICO DE R$ 7,00

OS TRES PRIMEIROS ESPECTADORES QUE RESERVAREM POR TELEFONE, A PARTIR DAS 8 HORAS DA MANHÃ DO DIA 20 –  GANHAM UM CONVITE

AS RESERVAS TAMBÉM PODEM SER FEITAS POR E-MAIL  reservas@casaraodobelvedere.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s